SaporeDiVino

Uvas Aromáticas

Uvas aromáticas são aquelas que possuem uma quantidade significativa de substâncias que pertencem ao grupo dos terpenos.

Os terpenos, também conhecidos como terpenoides são uma classe de elementos naturais de origem vegetal compostas por moléculas de átomos de carbono.

Mas o que interessa para gente esses terpenos? São exatamente eles que estão presentes nas uvas e proporcionam fragrâncias muito agradáveis como por exemplo, odores de rosa, de limão, laranjas, sálvia, pera, pêssegos e etc.

Esses perfumes remetem aos aromas primários que é uma das classificações que fazemos na análise olfativa, dentro do processo de degustação, para identificar a classe dos aromas do vinho, e são exatamente aqueles que remetem aos odores do vinhedo.

Exemplos de uvas consideradas aromáticas são a Brachetto, Moscato ou Moscatel, Gewurztraminer, Traminer e Malvasia. Existem também uvas consideradas semi-aromáticas como Muller Thurgau, Riesling, Sylvaner, Glera (uva utilizada na produção do Prosecco) e Sauvignon Blanc entre outras.

Vinhos produzidos a partir de uvas aromáticas são ótimos para serem harmonizados com pratos que sejam mais perfumados, como por exemplo, a cozinha tailandesa e indiana, que apresentam uma coleção de aromas, entre eles os de especiarias.

 

Se você gostou do post que tal compartilhar com amigos e familiares. Basta escolher uma das redes sociais: Facebook, Twitter e Google+.

Qualquer dúvida ou sugestão é só DEIXAR SEU COMENTÁRIO aqui embaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *