SaporeDiVino

Brunello di Montalcino

brunello di montalcino menor

Brunello é considerado o rei da uva sangiovese

Ele nasce em Montalcino um dos vinhos italianos mais famosos do mundo. Para aqueles que amam a natureza, um excelente vinho e boa comida, uma grande ideia é conhecer a cidade de Montalcino que fica nada mais nada menos que na Toscana, cercada por uma paisagem de rara beleza que desde 2004, foi declarada Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.

As colinas onde são cultivadas as uvas que produzem esse maravilhoso vinho se localizam a mais ou menos 40 km do mar e a 100 km das montanhas verdes e arborizadas dos Apeninos, podemos dizer que os vinhedos sofrem diretamente influência tanto do mar quanto das montanhas, que protegem o território, tornando o clima ameno.

Brunello-Montalcino

A história do Brunello nasce no século XIX quando Clementi Santi um farmacêutico de Montalcino apaixonado pela viticultura, teve a intuição de fazer um vinho somente com a uva “Sangiovese grosso” (atualmente conhecida como Brunello), selecionando uvas de alta qualidade.

Em torno de 1870 ele consegue criar um vinho potente e delicado destinado a se tornar uma das pérolas da enologia, uma verdadeira obra-prima, nascendo assim a denominação Brunello di Montalcino que foi reconhecido como DOC (Denominazione di Origine Controllata) em 1966.

Brunello Montalcino Biondi Santi

Em 1980 ele recebe a maior classificação dos vinhos italianos a DOCG (Denominazione di Origine Controllata e Garantita), na verdade o Brunello di Montalcino foi o primeiro vinho que obteve essa classificação que deve atender a normas restritivas de produção. Se você quiser conhecer sobre a classificação dos vinhos italianos clique aqui!

A qualidade que encontramos no Brunello di Montalcino nasce na vinha, graças a um trabalho manual que se inicia desde a poda da videira, passando pela escolha das gemas (brotos que irão dar vida as uvas) destinadas a gerar e selecionar as melhores uvas até a colheita das mesmas. (sempre de forma manual)

Alguns produtores fazem uma posterior seleção das uvas, no momento da colheita, para que quando cheguem à cantina sejam as mais perfeitas possíveis dando início ao processo de vinificação.

uva brunello

O Brunello di Montalcino é obtido somente de uvas Sangiovese Grosso, que no território de Montalcino é tradicionalmente conhecida como Brunello. É um vinho visualmente claro, brilhante, e sua cor varia de um rubi intenso até o vermelho granada, claro que dependendo da sua idade.

O bouquet do Brunello di Montalcino é um daqueles que fazem enlouquecer um amante de vinho tamanha é a sua complexidade, é praticamente considerado o Santo Graal dos vinhos. Podemos encontrar frutas vermelhas como amora, cereja, groselha, etc., quando envelhecido em barris, notas de baunilha, canela, cacau, chocolate, café e por ai vai…

Na boca um vinho elegante, estruturado, harmônico, seco e com uma longa persistência aromática. Devido as suas características o Brunello di Montalcino suporta um longo envelhecimento, se aprimorando com o tempo.

santi

Difícil dizer quantos anos esse vinho pode melhorar dentro da garrafa, certamente vai depender da safra, mas podemos dizer que encontramos sua melhor forma a partir dos 10 anos de envelhecimento podendo alcançar 30 anos ou mais.

A elegância e o corpo desse vinho permite que seja harmonizado com pratos estruturados de carne vermelha, carnes de caça, funghi e tartufo, além de ser uma excelente combinação com queijos fortes e duros, como por exemplo, o parmigiano e o grana padano.

Muitos prêmios comprovam a qualidade do vinho: em 1999, a prestigiada revista dos EUA “Wine Specator” insere o Brunello entre os 12 melhores vinhos do século XX e 2006 coloca o vinho Brunello di Montalcino no topo do ranking mundial.

E se você ainda não experimentou esse vinho que tal prová-lo e degustá-lo em boa companhia… 🙂

Conhece alguém que curte vinhos?

Então compartilhe o nosso post utilizando uma das redes sociais: Facebook, Twitter e Google+.

E se você gostou de conhecer um pouquinho sobre esse maravilhoso vinho ou se você já teve alguma experiência e queira nos contar, DEIXE SEU COMENTÁRIO aqui embaixo!

8 comentários sobre “Brunello di Montalcino

  1. Daniela

    Sou iniciante no mundo dos vinhos e confesso que tenho aprendido muito com vocês. Os vídeos são ótimos. Meu interesse em experimentar novos vinhos tem aumentado cada vez mais, diria até, que se tornando uma paixão. A cada taça, um momento….uma história. Ao degustar um vinho, sempre procuro me recordar dos ensinamentos e vagarosamente saboreá-los.

    Daniela – Campinas-SP

    1. Iaponira DinizIaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Daniela,

      Muito obrigado pelo seu comentário.
      É um grande prazer saber que estamos contribuindo para o seu aprendizado em relação aos vinhos.
      Qualquer dúvida é só entrar em contato com a gente. 🙂

      Grande abraço,
      Iaponira & Massimiliano

  2. Tarcizio P.D.Scalabrin

    Bom dia Iaponira,
    Gostaria muito de ampliar meus conhecimentos sobre vinhos.
    Tenho acompanhado muito o seu blog.
    Uma coisa que ainda não entendi é porque o mesmo vinho comprado em uma casa especializada é bem mais caro que o comprado em um supermercado?
    Terá o vinho da casa especializada outra elaboração diferente.
    Não sou grande conhecedor, mas meu paladar e o mesmo para ambos.
    Obrigado.

    Dois Irmãos – RS

    1. Iaponira DinizIaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Tarcizio,
      Pode contar com a gente para ampliar seus conhecimentos.
      Respondendo a sua pergunta.
      Normalmente o vinho comprado no supermercado é o mesmo que o de uma casa especializada, enoteca, adega, etc…
      Às vezes a diferença é a forma de como são conservados, no supermercado vemos as garrafas em pé que para vinhos com tendência ao envelhecimento não é uma coisa boa.
      Já em casas especializadas acredito que eles tenham um cuidado especial com a conservação do vinho.
      Algumas vinícolas aqui na Itália fazem uma linha de vinhos para ser vendida em supermercado, normalmente vinhos mais jovens que não precisam de um cuidado especial.
      Mas a verdade é que teoricamente, sim, o vinho é o mesmo…e tem sempre alguém querendo levar vantagem. 🙂
      Grande abraço,
      Iaponira & Massimiliano

  3. Denise

    Olá…sempre que posso dou uma lida nos conteúdos recebidos por vocês, e tem me auxiliado muito no conhecimento do mundo dos vinhos. Obrigada!
    Denise – Pelotas, RS

  4. Carlos Morandini

    O consumo do brasileiro é de 2,2 ltros per capita/ano de vinho e do Uruguai é de 32 ltros/ano. Então iniciativas como a de vocês podem mudar esse panorama, com certeza, para ajudar a construir uma cultura de vinho que é o que falta em nosso país.Naturalmente não vai ser do dia para a noite essa mudança, mas vocês estão de parabéns.

    1. Iaponira DinizIaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Carlos,
      Muito obrigado pelo seu comentário.
      Nosso objetivo é realmente divulgar cada vez mais a cultura do vinho.
      Esperamos com o blog e também com nosso canal do youtube de demonstrar que o vinho é uma bebida que pode agradar a todos os gostos e principalmente sem “frescuras”.

      Grande abraço,
      Iaponira & Massimiliano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *