SaporeDiVino

10 Regras Fáceis para Degustar um Vinho

Degustacao de vinhos 2

Quando se trata de simplesmente “beber” um vinho, somos todos mais do que “experts”, mas quando se trata de “degustar”, o jogo muda: na degustação de vinhos entram componentes críticos e, em alguns casos, até mesmo profissionais.

Aqui estão as dez regras para a degustação de um vinho que são levadas a sério pelos sommeliers.

icone uva cinzaRealizar a degustação em um ambiente tranquilo com paredes claras, sem odores e sem perfumes.

Imagina uma cozinha em plena atividade, uma oficina ou um aterro sanitário, com certeza esses não são locais ideais para a realização de uma degustação de vinhos. Além da paisagem não ser a ideal, os odores fortes que caracterizam esses ambientes prejudicam a percepção correta dos aromas do vinho. Paredes coloridas, cortinas em volta sobrecarregadas de cores ou áreas muito escuras podem dificultar a avaliação adequada da cor.

icone uva cinzaNão use perfumes fortes e nem batom (para as mulheres) 🙂

As essências fortes tem uma grande chance de prejudicar o exame olfativo de várias formas. Muitos batons possuem um perfume forte e, além disso, a sua consistência atrapalha também no exame gustativo.

icone uva cinzaNão ingerir substâncias de sabores fortes e persistentes.

Alguma vez você já tentou beber o café imediatamente depois de escovar os dentes? Então, se ingerirmos algum alimento que tenha alho, cebola ou um chiclete pouco antes de uma degustação irão prejudicar o nosso julgamento. Esses sabores fortes ficam armazenados no nosso paladar através do “retrogosto”.

icone uva cinzaNão fumar.

Para alguns fumantes pode ser duro, mas se você não fumar pelo menos algumas horas antes da degustação, e procurar beber água, isso vai ajudar a limpar o gosto do cigarro. Outra coisa importante é lavar bem as mãos porque normalmente os fumantes ficam com o odor de cigarro nas mãos, o que prejudica também o exame olfativo.

icone uva cinzaProvar o vinho a uma temperatura adequada.

Baixas temperaturas tendem a acentuar as características mais agressivas de um vinho, e a atenuar as mais delicadas. Para exaltar as melhores qualidades de um vinho, é muito importante servi-los na temperatura correta (geralmente entre 6-8° para os espumantes, 10-14° para os vinhos brancos, e entre 12 e 18° para os vinhos tintos).

icone uva cinzaNão mais do que 10/12 amostras de vinhos.

Depois de 10/12 amostras de vinho já não se consegue mais sentir e identificar suas qualidades.

icone uva cinzaEscolha um horário adequado.

Normalmente as melhores degustações se fazem na parte manhã, você acredita? Essa é uma grande verdade o melhor horário é entre 10:00 e 12:00. A explicação é que nosso organismo está mais bem disposto, estamos mais repousados e concentrados, sem contar que ainda não almoçamos, assim não corremos o risco de ser influenciados por algum sabor forte.

icone uva cinzaSiga uma sequência lógica na degustação dos vinhos.

É muito importante degustar os vinhos na sequência correta, se inicia com os vinhos brancos jovens, pouco encorpados, pouco complexos, até chegar a um vinho tinto maduro, encorpado, e finalmente por último os vinhos doces de sobremesa.

icone uva cinzaFazer uma degustação no escuro, ou seja, não ser influenciado pela fama do vinho ou do produtor.

O ideal é que o vinho esteja dentro de um “saco” ou que o rótulo esteja coberto, pois quando se conhece o vinho automaticamente a nossa mente se condiciona, e aquilo que já temos gravado na nossa memória subjetivamente influencia a nossa avaliação.

icone uva cinzaEstar em um perfeito estado de repouso, e não estar resfriado!

Você é capaz de dirigir depois de uma noite sem dormir ou com uma venda nos olhos? Algumas pessoas podem até fazer isso, mas com certeza não terminam bem. A mente descansada é uma mente mais alerta e atenta, então a limpeza desse “instrumento” é fundamental para sentir todas as sensações e prazeres de uma degustação!

Um pouco complicado, né? Você pode agora estar se imaginando numa agradável cena romântica em companhia do seu amor, e pensando como fazer tudo isso?!

Lembre-se essas são as condições mínimas para uma degustação profissional, e você não é absolutamente obrigado a segui-las. Então desfrute do seu vinho da melhor forma e ainda mais do seu amor! 🙂

14 comentários sobre “10 Regras Fáceis para Degustar um Vinho

  1. tarcizio p. d. scalabrin

    Muito bom. Gostei de saber estes detalhes. As vezes a gente não percebe certos detalhes simples, mas importantes. Obrigado.tarcizio

    1. Iaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Tarcizio,
      Concordo com você, as vezes são pequenos detalhes que fazem muita diferença. 🙂
      Eu tento respeitar dentro do possível, pois sei que muitas vezes é difícil seguir todas as regras.
      Obrigado pelo seu comentário. 🙂
      Abraços,
      Iaponira & Massimiliano

  2. Marcos

    Curto, muito vinho e toda a arte envolvida na cultura da uva, espero um dia conhecer as Vinícolas Italianas, seria uma realização pessoal.

    att

    Marcos

    1. Iaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Marcos,
      O mundo dos vinhos realmente encanta!
      Se precisar de dicas quando vier por aqui, basta entrar em contato.
      Grande abraço,
      Iaponira & Massimiliano

  3. Gecilda Gioia

    Adoro ter conhecimento sobre vinhos, sou curiosa e esse tema me fascina. Com os vídeos e textos que vem mostrando tenho me sentido mais segura ao identificar um vinho e posso escolher com mais segurança quando vou a uma feira de vinhos ou quando tenho que escolher para acompanhar um determinado prato. Lógico que ainda tenho muito que aprender, mais já me sinto à vontade para conversar sobre o assunto com pessoas que sabem do mesmo.
    Muito obrigada!

    Gecilda Gioia
    Porto Real-RJ

    1. Iaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Gecilda,
      Adoramos o seu comentário.
      Essa é exatamente a proposta do nosso blog, passar o nosso conhecimento de forma que ajude a entender os conceitos e poder utilizar no seu dia a dia quando for degustar um vinho. 🙂
      Nós que agradecemos o seu depoimento.

      Grande abraço,
      Iaponira & Massimiliano

  4. Rita Almeida

    Adoro o blog! Não vejo todos os dias por falta de tempo e com problemas de internet em casa… assim que me aposentar, sair a mesma, irei estudar….
    Enfim pouco que vejo fico muito agradecida…..abraços a todos e mais sucesso.

    Rita Almeida -Itapeva/SP

    1. Iaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Rita,
      É um grande prazer saber que você nos acompanha! 🙂
      Agradecemos o seu comentário.
      Abraços,
      Iaponira & Massimiliano

  5. Romano Cassoli

    Achei para mim que não sou um expert, orientações básicas, exatas claras e ao mesmo tempo ilustrativas. Deu para aprender mesmo!

    Romano Cassoli
    São José do Rio Pardo – São Paulo

  6. Leandro Santana

    Oi Iaponira e Massimiliano, agradeço muito por dedicarem seus tempos a nos ajudarem a aprender sobre esse largo assunto que é o vinho.
    Parabéns pela iniciativa!

  7. Ester Willians

    Olá! Estou encantada com o universo dos vinhos, tenho aprendido cada dia um pouco mais dessa magia dos deuses. Esta é a única bebida que aprendi a saborear. Gosto muito dos vinhos do Chile, agradam meu paladar. Parabéns Iaponira & Massimiliano!

    1. Iaponira Diniz Autor da Postagem

      Oi Ester,
      O mundo dos vinhos encanta mesmo!
      Obrigado por deixar seu comentário. 🙂
      Nos vemos no Workshop.
      Abraços,
      Iaponira & Massimiliano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *